Sobre os braços

By SS Martinelli - sexta-feira, janeiro 29, 2010

Dançar com os braços não é uma tarefa assim tão fácil como parece; No passado na dança do ventre, os braços eram moldurados, hoje em dia, a criatividade e a interatividade dos braços são essênciais para que a dança seja completa.

Para começar um pouco da fisiologia dos braços:

Ombros: permite uma mobilizaçção com grande amplitude de braço;
Cotovelo: flexão e extensão, premite o membro superior dobrar sobre si mesmo ou estender-ser;
Mão: a mão se une ao antebraço pela regiaão  do corpo, o antebraço forma com o corpo o punho.

Segundo o livro, 'Cure seu Corpo', os braços representam a capacidade e a habilidade de abraçar as experiências da vida; O padrão de pensamento deve ser : Eu abraço minhas experiências com carinho, facildade e alegria! 

Na filosofia Indu, os braços fazem parte do chakra Anahata, chakra do coração e é nesse local no corpo onde reside o amor cósmico; Anahata significa " espontâneo".

Tudo isso é lindo , mas para que serve? O que tem a ver com a dança?

Te digo, são os braços que contam a história, que traduzem, que passam o sentimento da dança, temos que deixar a energia fluir,  que adquirir leveza ( com a postura certa e com o treino certo, os braços vão ficando cada vez mais leves), que abrir nossos corações e sentir a música através dos braços. 

Faça o teste, dance somente com os braços e perceba a diferença!

  • Share:

You Might Also Like

2 Ebulições

  1. Oii!

    Também acho que os braços são essenciais na dança do ventre. Eles ajudam a transmitir a energia, a emoção na hora da apresentação. Dá uma harmonia maior.

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Natasha, tdo bem?

    Brigada pelo seu comentário, com certeza os braços são responsável pela harmonização da dança ;)

    bju

    ResponderExcluir