Desvendando os movimentos do quadril

By SS Martinelli - domingo, abril 10, 2011

Ok já falei quase tudo sobre a soltura do quadril, hoje decidi postar uma coisa mais prática e didática, com vocês meu estudo sobre como desvendar os movimentos do quadril :0)

Passo 1

Conhecendo a estrutural corporal.
De nada adianta estudar sem antes visualizar a parte em questão!

Olhe bem as figuras....

De costas





















De frente

























O que "segura" o quadril ás pernas, são os músculos. E o que "prende" a movimentação pélvica também são os músculos (sua rigidez e pouca elasticidade). 


Passo 2   

A estruturação

Vamos começar pelas pernas, sem flexionar levemente o joelho, o quadril não tem espaço para movimentar.
A estruturação do movimento do quadril, começa no posicionamento dos pés e pernas e termina na postura das costas, na coluna. Tente visualizar algo mais ou menos assim: O quadril é o barco, as costas a base que carrega as velas, a água as pernas, se o barco não estiver bem equilibrado, bem "posturado" ele vira.



















Passo 3

Os cuidados

Depois de estruturado um barco precisa de vento para mover as velas, no nosso caso, esse vento maleável capaz de levar um barco, são os músculos bem alongados e bem flexíveis. É como o soprar do vento, a gente movimenta o quadril e o quadril  faz o barco andar, faz o movimento acontecer.

Assim como o vento seco e fraco não leva nem barquinho de papel,  os músculos secos e fracos  não transformam o movimento em shimmies.

Para um shimmie de responsa é preciso muito mais que treino, é preciso toda uma reestruturação física e mental, bem como o cuidado com a saúde do músculos.

Física, pois sem um bom alongamento e um ótimo relaxamento, o movimento não sai.
Mental, pois com preconceito e bloqueios como "não vou conseguir", "meu shimmie não sai", o shimmie não sai MESMO!
E por fim a saúde do músculo, o músculo para estar saudável, precisa de água, precisa de proteínas,  se você não se alimenta bem, ou faz aquelas dietas loucas e ainda por cima bebe pouca água, seu shimmie está seco e fraco e não "navega", não sai do porto!

Quando pensar em shimmie, pense nos músculos bem cuidados, nos ossos flexionados,  na postura para uma base firme e segura e bons shimmies para todas nós!!!

  • Share:

You Might Also Like

1 Ebulições

  1. acho que a essa consciência corporal é de grande importância pra quem quer dançar, não dançar simplesmente mas dançar em comunhão com seu corpo... principalmente na dança do ventre.

    ResponderExcluir