Isso que dá não pesquisar

By SS Martinelli - sexta-feira, fevereiro 25, 2011

Um tempo atrás fui contratada para dançar em um evento de uma empresa grande. Chegando ao local fui avisada que as músicas já haviam sido escolhidas pelos organizadores e seriam tocadas pelo DJ da festa. Até aí nada de excepcional, achei normal...Fui me trocar e logo em seguida a organizadora pediu que eu e o DJ passássemos as músicas juntos. 

Ok, lá fui eu passar as músicas, me posicionei no local indicado pelo organizadora onde deveria dançar e esperei pela música. De repente escuto bem alto o chamado para a oração dos muçulmanos. 

Não movi um músculo se quer,  achei estranho e pensei que seria uma introdução quando ao longe vejo a organizadora gritar :" Por que você não está dançando?" Eu na maior calma e simpatia respondi : " Esta música não é para dançar,  na verdade isso é o chamado islâmico para orar". "Como assim?" Perguntou ela.  Respondi: "As igrejas não tocam sino para chamar os fiéis? Então os muçulmano cantar o chamar." E ela respondeu: " Não me interessa, essa música foi escolhida pelo cliente e você tem que dançar." Olhei para ela e com toda educação disse: "Peço desculpa, mas essa música não posso dançar, obrigada pelo seu tempo, mas estou me retirando."

Claro que organizadora ficou p*&%, mas sinto muito, tenho meus princípios, a culpa não é minha e sim dela que não orientou o cliente pois não pesquisou e nem procurar saber que tipo de música deve ser tocada em uma apresentação de dança do ventre.

Gente, respeitar uma tradição, uma cultura, uma religião é como Mastercard, não tem preço.

Alá é grande.
Eu testemunho que não há nenhum Deus senão Alá.
Eu testemunho que Maomé (PBHU) é o profeta.
Vem para a oração, vem para o triunfo.
Alá é grande. Não há nenhum Deus senão Alá.


  • Share:

You Might Also Like

1 Ebulições

  1. Jura que isto aconteceu? Gente de Deus... estou sem palavras.

    ResponderExcluir